O Caráter do Governo Michel Temer: Nota Preliminar

O Governo Temer será um governo de centro, com todas as implicações que decorrem de um governo centrista. Ele seguramente irá incorporar algumas demandas conservadoras e liberais em determinadas áreas, como economia e gestão do estado e relações internacionais. Mas irá igualmente fazer concessões à centro-esquerda ou mesmo à esquerda nas áreas onde o lobby da elite esquerdista é mais eficiente e onde a burocracia do estado encarregada de implementar políticas públicas está mais aparelhada pelo esquerdismo, como as áreas de cultura e saúde e educação.

As concessões à esquerda serão maiores ou menores dependendo da capacidade, ou falta dela, de a direita mobilizar a sociedade civil informada em relação à agenda ideológica de esquerda que ainda está presente em áreas chaves da vida pública nacional. E essa mobilização exigirá uma qualidade no enfrentamento político muito superior àquela que foi suficiente para fazer o embate pelo impeachment. E com a exigência adicional de que a direita terá que ser inteligente o bastante para exercer essa pressão e cobrança sobre o novo governo sem se confundir com a oposição ferrenha e dura e antidemocrática que a esquerda seguramente irá fazer.


 

Anúncios

Sobre paulo eneas

Analista político e editor do Jornal Crítica Nacional
Esse post foi publicado em painel crítica nacional. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s