Ainda sobre o suposto torturador e a multimilionária indústria das indenizações

Que fique claro: nunca houve qualquer prova independente e incontestável de que Brilhante Ustra tenha torturado e muito menos matado algum prisioneiro. Todas as acusações contra ele são baseadas em relatos unilaterais feitos por beneficiários da multimilionária indústria das indenizações às supostas vítimas do regime militar, indústria essa criada ainda no governo tucano. Conforme mostra essa matéria do excelente Jornal DefesaNet, até o início de 2014 essa indústria movida a recursos públicos havia aprovado 40.300 (quarenta mil e trezentos) pedidos de indenização, que resultaram num total de $3.40 bilhões de reais.

Quem comprovadamente matou e torturou centenas de inocentes durante o regime militar foram comunistas como Carlos Marighela e outros da mesma estirpe que foram homenageados por parlamentar esquerdista na votação do impeachment. Homenagem essa que não rendeu um pio de indignação por parte das pessoas supostamente isentas que estão indignadas com a justa e correta homenagem feita por Jair Bolsonaro ao Coronel Brilhante Ustra.


 

Anúncios

Sobre paulo eneas

Analista político e editor do Jornal Crítica Nacional
Esse post foi publicado em painel crítica nacional. Bookmark o link permanente.

5 respostas para Ainda sobre o suposto torturador e a multimilionária indústria das indenizações

  1. marco aurelio disse:

    Essas indenizações devem ser revistas urgentemente. Os comunas da esquerda brasileira vêm saqueados os cofres públicos sob a égide de leis farjutas aprovadas para esse fim: legitimar o crime. São todos saltimbancos.

  2. Antonio Augusto Silveira disse:

    Também nunca houve qualquer prova independente e incontestável de que Dilma tenha sido torturada.

  3. selma Gusmão disse:

    Tenho absoluta certeza que esse foi um dos primeiros golpes dos comunistas para pagar aos supostos sofredores do ano de 1964. Sao malandros demais. Apresentem provas contundentes para os ingênuos brasileiros que não sabem nada ! Os comunistas queriam dizimar : pobres , negros , cristãos e os que não aceitavam o comunismo. Eu vivi essa época e posso falar.

  4. Rubem Márcio B. Garcia disse:

    Ele foi julgado e condenado,, dedculpe dizer… Esse texto é falacioso e defende um criminoso… E quem concorda com ele deve ser igual ao falecido torturador… Um bandido!

    • paulo eneas disse:

      Julgado e condenado em primeira instância, com base em um ÚNICO depoimento de uma suposta vítima, alinhada ideologicamente com os que o acusam, e que ainda se beneficiou da mentira contatada, pois passou a receber os benficios da bolsa-ditadura que até março de 2014 havia desembolsado $3.4 bilhoes de reais beneficiando mais de 40 mil pessoas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s